Pêra belle Hélène

Nunca gostei muito das sobremesas em que as frutas fazem o papel principal, mas talvez a belle Hélène me convença do contrário. A receita é simples demais, tornando a combinação dos sabores a chave!

– 3 pêras lavadas e cortadas ao meio, preservando os cabinhos

– 700ml de água

– 250g de açúcar

– limão o suficiente para passar nas pêras cortadas para que não escureçam

– meia fava de baunilha (2 colheres de chá de essência para quem não tiver)

– sorvete a escolher

– 135g de chocolate meio-amargo

– 15g de manteiga

– 150ml de nata

Ferver a água com o açúcar e a baunilha. Adicionar as pêras e deixar fervendo em fogo bem baixinho por 20-25 min. Está pronto! Fazer a calda derretendo a manteiga, o chocolate e a nata. Combinar e aproveitar 🙂

Essa receita nasceu em 1864, das mãos do chef francês Auguste Escoffier, que nomeou a criação de Belle Hélène, de acordo com a ópera de mesmo nome, da qual devia ser fã. Além do que já citei, a versão original levava, ainda, pétalas de violeta cristalizadas e era servida toda gelada, com excessão da calda.

Em breve posto a receita de alguns sorvetes caseiros para acompanhar a pêra.

Anúncios

2 Comentários (+adicionar seu?)

  1. chef no forno
    ago 23, 2011 @ 00:19:39

    hipnotizado pela combinação…

    Responder

  2. Marina
    ago 24, 2011 @ 15:16:22

    tem que ver depois que o sorvete virou sorvete (demorou)… na foto ainda tava uma… gosma 🙂

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: