Chocolate cookies – homenagem à Onni

Esse mês ganhei meu primeiro visitante asiático no blog. Veio da Coreia do Sul. Claro que isso me lembrou da minha única amiga que vive lá, na verdade minha única amiga oriental, Sofia. E lembrando dela, que conheci em North Vancouver, lembrei das aulas de culinária que fizemos juntas com a megera miss Lactin, na Seycove Secondary – que saudade. Aqui fica uma lembrança da querida Miss Lactin, a carrasca que botava 1 ovo e meio na receita e cuidava pra ver se separávamos na metade exata.

Cookies de chocolate – fácil e preciso!

– 125ml de manteiga em temperatura ambiente

-125ml de açúcar mascavo

– 60ml de açúcar

– 1 ovo

– 2ml de baunilha (falei que ela era carrasca! vale uma colherinha bem rasa)

– 2ml de bicarbonato de sódio

– 1ml de sal (a boa e velha pitada)

– 310ml de farinha

– 125ml de gotas de chocolate

Pré-aquecer o forno médio. Misturar farinha, bicarbonato e sal e reservar. Em outro recipiente, bater a manteiga com os dois açúcares, ovos e baunilha. Quando homogêneo, adicionar a mistura dos ingredientes secos aos poucos. Colocar as gotinhas e mexer na  mão. Assar entre 8 e 10 minutos. Quem gostar pode polvilhar um açúcar depois que os biscoitos esfriarem. Foto: foodnetwork

 

Anúncios

Bolo simples

Mais receita de bolo… mas esta é indispensável. E quem vai reinar sobre uma massa perfeita e simples, é a cobertura de sua escolha 🙂
-3 ovos
– 2 colheres de sopa de margarina
– 2 copos americanos de açúcar
– 2 copos de farinha de trigo
– 1 copo de leite
– 1 colher de fermento em pó
Bater os ingredientes na ordem acima. Pode ser até no liquidificador – aproximadamente 3 minutos já bastam. Untar uma forme e assar a 180 graus por 20-25 minutos. Uma ideia de cobertura é levar a foto médio por 7-10 minutos: 2 copos de leite, 2 colheres de sopa de chocolate em pó, 4 colheres de sopa de açúcar e 1 colher de sopa de margarina. Foto The wondering eater

Muffin light?

Era a minha intenção ao bolar a receita: alternativa mais saudável para os muffins. Por isso, açúcar mascavo e mel no lugar do açúcar refinado (o mascavo, por não ser refinado, conserva as propriedades da cana), iogurte… quem quiser deixar ainda mais light, pode tirar o chocolate, mas confesso que é a melhor parte!

– 1/2 xícara de óleo

– 3 ovos

– 500ml de iogurte

– 3 colheres de sopa de açúcar mascavo peneirado

– 3 colheres de sopa de mel

– 1 xícara de farinha peneirada

– 1 xícara de fubá peneirado

– 4 bananas nanicas amassadas

– canela polvilhada a gosto

– 1 colher de sopa de fermento

– 100g de chocolate 1/2 amargo picado

Nada mais fácil: ir colocando os ingredientes, na ordem acima, na batedeira. Quando chegar no fermento, bater na mão. Assar por 20 minutos em 180 graus.

Quer saber qual a diferença entre um muffin e um cupcake? Aqui.

Mais receitas de muffins? Aqui, aqui e aqui.

Pêra belle Hélène

Nunca gostei muito das sobremesas em que as frutas fazem o papel principal, mas talvez a belle Hélène me convença do contrário. A receita é simples demais, tornando a combinação dos sabores a chave!

– 3 pêras lavadas e cortadas ao meio, preservando os cabinhos

– 700ml de água

– 250g de açúcar

– limão o suficiente para passar nas pêras cortadas para que não escureçam

– meia fava de baunilha (2 colheres de chá de essência para quem não tiver)

– sorvete a escolher

– 135g de chocolate meio-amargo

– 15g de manteiga

– 150ml de nata

Ferver a água com o açúcar e a baunilha. Adicionar as pêras e deixar fervendo em fogo bem baixinho por 20-25 min. Está pronto! Fazer a calda derretendo a manteiga, o chocolate e a nata. Combinar e aproveitar 🙂

Essa receita nasceu em 1864, das mãos do chef francês Auguste Escoffier, que nomeou a criação de Belle Hélène, de acordo com a ópera de mesmo nome, da qual devia ser fã. Além do que já citei, a versão original levava, ainda, pétalas de violeta cristalizadas e era servida toda gelada, com excessão da calda.

Em breve posto a receita de alguns sorvetes caseiros para acompanhar a pêra.

Bolo de cenoura com cobertura

  • 1/2 xícara de óleo
  • 3 cenouras médias raladas
  • 4 ovos
  • 2 xícaras de açúcar
  • 2 + 1/2 xícaras de farinha de trigo
  • 1 colher de sopa rasa de fermento em pó
  • Cobertura
  • 1 colher de sopa de manteiga
  • 3 colheres de sopa de chocolate em pó ou achocolatado
  • 1 xícara de chá de açúcar
  • 5 colheres de sopa de leite (não colocar se quiser aquela cobertura durinha, que dá pra sentir o açúcar)
  1. Bater no liquidificador primeiro a cenoura com os ovos, depois e o óleo e depois o açúcar (uns 3 min até homogeneizar)
  2. Acrescentar a farinha e bater mais uns 2 min. A massa ficará pesada, o liquidificador tem que ser bom 🙂
  3. Misturar o fermento sem bater, com uma colher, lentamente.
  4. Assar em forma untada com manteiga em forno pré-aquecido (180ºC) por 35-40 minutos
    Cobertura: 

  1. Derreter a manteiga, adicionar o chocolate e ao açúcar
  2. Se desejar, colocar o leite e misturar poucos minutos, só para ficar homogêneo.
  3. Deve estar uma calda escura, lisa e fina (líquido-pastosa)

As cenouras são usadas em massas doces desde a época medieval, para adoçá-las, já que açúcar e coisas do gênero eram bem caras – a cenoura é o vegetal que mais contém açúcar, depois da beterraba. Acredita-se que o bolo de cenoura tenha sua origem na Escócia, onde era largamente consumido em períodos de guerra e racionamento de alimentos.

Já os bolos caprichados para serem vendidos em bares e cafeterias apareceram nos Estados Unidos, na década de 1960. Só que a versão do bolo feita no Brasil é diferente das consumidas pelos britânicos e americanos. Lá o bolo é feito com nozes, canela e essência de baunilha, ganhando uma massa escura, e não amarelinha como a nossa. A cobertura também não vai chocolate, mas normalmente cream cheese, deixando-a branquinha, como na foto ao lado.

Bolo na caneca


Massa

– 1 ovo pequeno

. 4 colheres (sopa) de leite

. 3 colheres (sopa) de óleo

. 4 colheres (sopa) rasas de açúcar

. 2 colheres (sopa) rasas de chocolate em pó

. 4 colheres (sopa) rasas de farinha de trigo

. 1 colher (café) de fermento em pó

Cobertura

. 2 colheres (sopa) de leite

. 1 colher (chá) de manteiga

. 1 colher (sopa) rasa de chocolate

. Granulado, confete ou o que quiser

1. Coloque o ovo na caneca e bata com um garfo.

2. Adicione o óleo, o açúcar, o leite e o chocolate em pó e mexa.

3. Incorpore a farinha de trigo e o fermento, aos poucos, na massa. Em seguida, leve ao micro-ondas durante três minutos na potência máxima.

4. Prepare a cobertura: junte todos os ingredientes e ponha no micro-ondas por 30 segundos, também na potência máxima.

5. Despeje no bolo ainda quente e polvilhe o granulado.

Importante: usar caneca de, pelo menos, 300ml!

Cupcake de Nutella

Para fazer cerca de 10 desses deliciosos bolinhos do Mercatto Caffe (SP):

– 250g de açúcar

– 210g de iogurte natural

– 120g de óleo de soja

– 2 ovos

– 180g de farinha de trigo

– 50g de cacau em pó

– 15g de fermento em pó

– 100g de chocolate meio-amargo picado

Juntar açúcar, farinha e cacau. Em outro recipiente, juntar iogurte, ovos e óleo, mexendo com um fouet, o que vai exigir mais tempo para dar consistência homogênea, mas vai garantir um resultado melhor. Ao final, juntar os ingredientes secos inicialmente misturados, colocando também o chocolate e o fermento – não demorar para o óleo não se separar da massa. Forrar forminhas de cupcake com papel manteiga e assar 10 minutos em 180º.

Para fazer a ganache de nutella:

– 200g de chocolate meio amargo picado

– 170g de creme de leite

– 250g de nutella

Ferver o creme, tirando a espuma e impurezas que sobem à superfície com uma colher. Feito isso, tirar do fogo e misturar os outros ingredientes, mexendo bem até amornar. Juntar com os cupcakes quando ambos estiverem friozinhos.

Entradas Mais Antigas Anteriores