Pão de Mel

Essa receita é do Mosteiro São Bento, em São Paulo, onde são produzidas e vendidas várias coisas boas. Além do pão de mel Benedictus, que posto aqui, tem bolos como o de Natal, o Santa Escolástica (receita suíça, que leva maçã e nozes), o dos Monges (base de damasco), e muitos outros cujas receitas permanecem envolvidas numa aura de mistério, que mantém a mística dos produtos monastéricos e faz deles um sucesso.

Eles são vendidos somente na loja do Mosteiro, no Largo São Bento, no centro de São Paulo. A produção de pão de mel chega a 70 caixas de nove unidades por semana e a de bolos ultrapassa os 400. Há também os pães feitos lá: o Dominus leva aveia e azeite e o São Bento é feito de mandioquinha. São assados 50 por dia, sendo que aos domingos, esse número chega a 130.

O mosteiro São Bento (na foto de  Daigo Oliva/G1) foi fundado em 1598 pelo monge beneditino Mauro Teixeira. O gosto dos seguidores de São Bento pela mesa farta é bem conhecido e foi importante para o desenvolvimento da gastronomia internacional. De seus mosteiros espalhados pelo mundo saíram iguarias como o champagne Dom Pérginon, o licor Bénédictine D.O.M. e queijos como o brie e o gruyère.

Pão de mel Benedictus (cerca de 20)

– 2 xícaras de mel

– 60g de manteiga

– 2 colheres de sopa de açúcar mascavo

– 1 colher de chá de canela em pó

– 1 cálice de cointreau

– 3 colheres de sopa de chocolate em pó

– 1 xícara de leite morno

– 1 xícara de amêndoas moídas

– 4 xícaras de farinha de trigo

– 1 colher de fermento químico em pó

– 600g de cobertura hidrogenada de chocolate ao leite

– 300g de geleia de frutas para o recheio (opcional e pode também ser substituído por doce de leite, já tentei e ficou bom)

Bater o mel e a manteiga até formar um creme. Juntar o resto dos ingredientes na ordem citada (exceto o recheio e o chocolate hidrogenado da cobertura). Misturar muito bem. Untar e enfarinhas forminhas e assar em forno médio (180 graus), já pré-aquecido, por cerca de 30 minutos.

Deixar esfriar por dez minutos antes de cortá-los ao meio para rechear. Derreter o chocolate hidrogenado em banho-maria e banhar os pães de mel recheados (recomendo fazer com a mão mesmo, pois eles ficam bem pesados e quebram fácil). Para a decoração superior, uma amêndoa ou um damasco! (Foto: Lígia)

Anúncios